Veronika Hagen

Viola - Áustria

Veronika Hagen

Veronika Hagen é Professora na Universidade Mozarteum de Salzburgo, desde 1988, onde leciona viola e música de câmara.

É também a violetista do célebre Quarteto Hagen, com quem deu concertos, ao longo dos últimos 25 anos, em todo o mundo. Aos seis anos, Veronika recebeu suas primeiras lições de música de seu pai, ex-violetista solista da Orquestra Mozarteum de Salzburgo. Continuou os estudos na Universidade Mozarteum de Salzburgo, com Helmut Zehetmair, e posteriormente em Viena e Hanover, com Hatto Beyerle. Colabora regularmente com artistas como Gidon Kremer, Sándor Végh, Ivry Gitlis, Walter Levin e Heinrich Schiff. Nikolaus Harnoncourt teve uma grande influência na sua carreira artística.

Veronika Hagen apresenta-se também como solista nas grandes salas de concerto, na Europa e no Japão, bem como no Festival de Salzburgo, Viena, Colónia, Zurique e Barcelona, no Festival de Lockenhaus, no Seminário de Música de Câmara em Prussia Cove, no Festival Menuhin Gstaad e no Festival de Lucerna. Os seus parceiros de música de câmara incluem artistas como Mitsuko Uchida, Maurizio Pollini, Sabine Meyer, Jörg Widman, Steven Isserlis, Leonidas Kavakos, Joshua Bell e Naoko Yoshiko.

Em 1998, foi convidada pela Staatsphilharmonie Rheinland-Pfalz para fazer a estreia na Alemanha do Concerto de Viola de Sofia Gubaidulina. Deu concertos como solista com a Orquestra da Suisse Romande, dirigida por Fabio Luisi, com a Orquestra MDR e a Orquestra Sinfónica de Viena. A sua gravação das Sonatas de Brahms, juntamente com Paul Gulda, foi editada pela Deutsche Grammophon em 1997; no ano 2000, foi lançada na mesma etiqueta Sinfonia Concertante de Mozart com Alexander Dumay e a Camerata Salzburg.