Corey Cerovsek

Violino - Canadá

Corey Cerovsek

Considerado um dos maiores violinistas da atualidade, Corey Cerovsek nasceu em Vancouver, Canadá, e começou a tocar violino aos 5 anos. Graduou-se aos 12 anos na Universidade de Toronto, com medalha de ouro e as mais altas classificações. Nesse mesmo ano, foi aceite como aluno pelo lendário Josef Gingold na Universidade de Indiana, onde se graduou aos 15 anos, em matemática e música, fez os mestrados em ambas as áreas aos 16 e, concluiu os respectivos doutoramentos com apenas 18 anos.

Paralelamente, estudou piano com Enrica Cavallo, tocando frequentemente ambos os instrumentos em concerto. Como solista, tem tocado sob a direção de maestros como Zubin Mehta, Charles Dutoit, Michael Tilson Thomas, Neeme Järvi, Andrew Litton, Yoel Levi, e Jesús López-Cobos; e com orquestras como as de Boston, Filadélfia, S. Francisco, Detroit, Cleveland, St. Louis, Atlanta, Baltimore, Montreal, Vancouver e Toronto, as Filarmónicas de Israel e de Hong Kong, Residentie Orkest de Haia, as Sinfónica de Praga, Berlim, Irlanda, Sydney, Melbourne e Bournemouth, Orquestra de Câmara de Viena, etc.

Realizou digressões na Austrália, Canadá, Dinamarca, Japão, China, Áustria, Holanda, Brasil e Espanha. Em recital, Cerovsek tem atuado por todo o mundo, nas principais salas de concerto e festivais.

Os seus CDs têm recebido as melhores críticas e distinções, incluindo o Prémio Midem para a melhor gravação de música de câmara e uma nomeação para os Grammy Awards.

Corey Cerovsek toca com o lendário Stradivarius "Milanollo" de 1728, um violino que foi tocado, entre outros, por Christian Ferras, Giovanni Battista Viotti e Nicollò Paganini.


Site oficial